segunda-feira, agosto 28, 2006

Assalto

Luz branca
Agulha fina que queima
Fura os olhos: enxergo.

Os corpos são mais pedra;
Mais faca afiada.
O sujo do chão é mais sangue.

Lucidez:
O ar de chumbo que me cobre
É vida.

Antonio Laranjeira

3 comentários:

alexandre disse...

DUda, deixo aqui o link do meu bloguito tb. Assim conseguiremos completar o nosso álbum de figurinhas.

http://alexanatos.spaces.live.com

inté.

leilalopes disse...

luz que cega, chão de sangue, ar de chumbo isto é mesmo a vida.
beijos, moço.

L. F. Calaça disse...

Chegou sim, Antônio, o 2º volume do PIVA. Jana trouxe de Sampa pra eu. Ah menino, c tá com OS SONHADORES contigo, n tá? Qdo puder se pode entregar pra Déa?
Abração e boas escrivinhações de monografia. Por enquanto... nada do RUÍNAS ALADAS.